Não é preciso ter muito para ser feliz, estas 5 regras da vida provam isso

Não é preciso ter muito para ser feliz, estas 5 regras da vida provam isso

A vida que vale a pensa ser vivida é simples, mas como alcançar isso?

Vivemos em um mundo que nos estimula o tempo todo a querer mais e mais. Estimula-nos a querer mais de nós e a querer mais dos outros, consequentemente.

Querer sempre mais nos torna inquietos e a quietude é um caminho que deve ser trilhado por quem deseja uma vida em paz.

Paz… ai meu Deus! Paz é o que todos procuramos!

Porém, ela só será alcançada se deixarmos de lado o desejo constante de ter e de querer ser, dessa ou daquela maneira.

Para começar, você deve adotar em sua vida essas 5 regras bem simples de como deve encarar a sua vida:

1) Pare de comparar

Você é incomparável, por isso não se compara a nada nem a ninguém.

Viva sua vida sem ficar olhando para o jardim do vizinho, pois quando você compara a sua vida com a dele, deixa de ver o que de bom tem na sua. Desvalorizando a sua jornada que é única, que é só sua, que é cheia de experiências riquíssimas e isso precisa ser valorizado para que encontre a felicidade.

Porém, a única pessoa capaz de dar o devido valor a elas é você, pois só você sabe exatamente o que passou para chegar até onde chegou. Não perca seu tempo se comparando, valorize sua vida.

2) Conte suas bênçãos sem mágoas

Fale sobre a sua experiência de vida com amor, não guarde mágoa de nada nem de ninguém. Mostre a razão por trás do seu sorriso e conte como você é sortudo de ter passado por tudo o que passou e ter aprendido o que aprendeu.

Afinal é para isso que servem as experiências em nossas vidas, para nos ensinar e não para nos ferir. Perdoe e viva feliz!

3) Não seja materialista

Apenas você e as pessoas à sua volta podem mantê-lo feliz, por isso a busca incessante por bens materiais com a expectativa de que quando possuir isso ou aquilo a vida se tornará mais feliz, é uma grande armadilha.

A verdadeira e plena felicidade está dentro de você e só você pode encontrá-la. O apego material é o caminho certo para a infelicidade, por isso desapegue-se da matéria e apegue-se à sua vida.

4) O dinheiro não é tudo

O dinheiro assim como os bens materiais, devem ser encarados apenas como um meio de tornar a nossa vida mais confortável e não como um modo de vida. Portanto, eles não podem ser prioridades em nossa vida.

Você só consegue ser feliz quando tem satisfação em sua vida e não apenas quando está usufruindo daquilo que o dinheiro pode comprar.

Ao contrário do dinheiro, a satisfação só pode ser encontrada em nós, por isso não procure a sua felicidade nas coisas externas, seja dinheiro ou qualquer outra.

5) Aprecie sua vida

Por fim, aprecie a vida, aprecie a natureza em todo o seu esplendor, pois ela foi feita para o nosso prazer e deleite. 

Não há nada mais agradável aos nossos olhos, ouvidos e corações do que apreciar a natureza. Já reparou como um banho de mar, um passeio na floresta ou uma simples caminhada em uma área verde consegue nos acalmar? E sem nenhum efeito colateral.

Aprenda a apreciar uma boa música, sentindo e não apenas ouvindo. A vida passa muito rápido para perdermos tempo com longos períodos de lamentações. Sinta, mas aceite as coisas como elas são e siga a sua vida, pois você não é o que sente, você é o que faz.

Penso que as coisas são tão simples, mas tão simples que muitas vezes não conseguimos compreender, de tão simples que é. Porque será?

Será que é por estarmos iludidos? A ilusão tem esse poder, o de jogar uma espécie de cortina de fumaça em nossos olhos, não nos permitindo enxergar o óbvio.

Entre aqui e veja outras matérias do site sinais de luta.

Compartilhar matéria:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here