Vamos respeitar e amar quem nos dá a vida todos os dias

878
Vamos respeitar e amar quem nos dá a vida todos os dias

Somos dependentes de Deus, da sua misericórdia quer queira, quer não, essa é a verdade. Não há nada nesse mundo que aconteça sem que seja da vontade Dele.

A terra é a nossa fonte de vida, sem ela e sem os seus recursos não há possibilidade para nenhum de nós. Vamos tratar com amor quem nos dá a vida todos os dias. É Deus quem sustenta tudo isso para nós. Estamos todos na palma de Sua mão, inclusive o Planeta Terra.

Esta é a única opção de vida que me faz sentir plenamente satisfeita sobre a origem da nossa existência, o porquê de estarmos aqui.

Me sinto em paz e era isso; essa era a sensação que sempre procurei, que sempre busquei. Segurança, confiança em mim, mas só consegui isso quando me dei conta de que não adianta remar contra a maré.

Entendi, que não sei nada da vida e que se quero fazer bem as coisas, ser uma pessoa que faz a diferença na vida do próximo, ser do bem de verdade, tenho de querer fazer o bem, tenho de deixar que Ele trabalhe em mim, que molde o meu caráter, que me faça ser aquilo para o qual fui criada.

Antes de tudo, entendi que só seria feliz de verdade, que só teria paz, se me tornasse numa pessoa melhor. Melhor para mim, e só então serei melhor para os outros.

Não estou falando de ser egoísta, mas sim de me tornar numa pessoa melhor com o intuito apenas de fazer o bem aos outros.

Para tratar melhor a minha mãe, para educar os meus filhos na verdade, para não ter maus pensamentos e sentimentos por aquela pessoa que me vira a cara, pra não olhar com desprezo pro meu vizinho que gosta de se exibir e pra respeitar tudo e todos que estão no mesmo barco que eu.

Recomendamos:  Quanto mais você dá, mais você recebe, a lei do retorno é uma lei inquebrável

Nós não somos melhores que uma formiga e nem o elefante e o leão são melhores que nós. Estamos todos em pé de igualdade.

Atenção que eu não tenho intenções de me tornar a Madre Teresa de Calcutá, quero continuar tomando meu vinho e vivendo neste “sistema de coisas”, mas nada disso impede que eu me torne num ser humano de verdade.

Então, todos os dias procuro me entregar nas mãos de Jesus, sim, é uma luta diária, mas prefiro lutar para me manter no amor de Deus, do que correr atrás do vento, do que lutar por coisas que não têm valor nenhum, ZERO!

É óbvio que todos precisamos trabalhar, porque precisamos de dinheiro, pois o sistema em que vivemos nos obriga a isso, mas não façamos disso o nosso propósito de vida.

Não deixe que a sua vida seja baseada apenas em colecionar coisas.

Se vier um terremoto ou algo do tipo, vira tudo pó. Não sobra pedra sobre pedra, mas o caráter, o amor verdadeiro, isso atravessa gerações.

Vamos ser melhores, seres humanos de verdade, melhores pra Deus, melhores pra nós e só então seremos melhores para os nossos irmãos.

Só assim teremos paz.

O que sei sobre estas coisas? Nada, apenas escrevo o que sinto.

<<< outras reflexões