5 Tratamentos naturais para rachadura no calcanhar

13893
Tratamentos naturais para rachadura no calcanhar

A rachadura nos calcanhares é algo que pode acontecer com qualquer pessoa e em qualquer idade, é um incômodo, pois é feio, dói e as peles se soltam. Existem vários os motivos para que acorra isso, na qual veremos a seguir, porém, existem alguns remédios caseiros também, que você pode fazer na sua casa, e não são difíceis.

Mas antes, vamos entender o motivo disso acontecer, certo?

Um dos motivos do ressecamento e consequentemente das rachaduras, pode ser a falta de hidratação, sim, os pés também precisam de hidratação.

Em um artigo publicado por Jéssica Nunes, Jéssica Marcelino e Vânia Novotny, as pesquisadoras mostram que a hidratação é um dos problemas comuns dos pés ressecados e rachados, as autoras falam que, “a água é essencial para a reposição do equilíbrio hídrico cutâneo e para a manutenção de uma pele saudável.

A redução de água pode expor a cútis a complicações como fissuras e feridas, comentam; Magalhães e Hofmeister (2004)”.

As autoras também falam sobre o alto nível de glicose no sangue, que pode reduzir a chegada de sangue nos pés, com isso, essa redução da circulação pode ir enfraquecendo a pele, contribuindo assim, para o aparecimento de feridas.

Outro motivo, pode ser uma reação a algum tipo de fungo, também pode ser devido aos sapatos que são apertados, stress, infecções e tempo frio.

O excesso de transpiração e ambientes úmidos também podem causar infecções que ajudam a ressecar os pés.

Antigamente uma alternativa para o tratamento era a vaselina, ou qualquer outro tipo de gordura vegetal com a finalidade de manter os pés aquecidos e hidratados.

Veja abaixo 5 dicas de tratamentos naturais para rachadura no calcanhar

Abuse do fubá

A primeira dica, é você esfoliar os seus pés com o fubá, ele é ideal para os pés que são mais secos, o fubá vai remover as células mortas e hidratar a pele, inclusive, você pode usar o fubá para esfoliar o seu rosto também.

Recomendamos:  Poderosa oração do emprego (agradecimento e novas oportunidades)

Como utilizar:

Coloque 3 colheres (de sopa) de fubá e 4 colheres (de sopa) de óleo de amêndoa ou óleo de coco. Misture estes ingredientes e depois passe nos pés, esfregando, com o foco nos calcanhares. Não se esqueça de hidratar os pés após a esfoliação.

Aspirina para os pés

Sim, você pode utilizar a aspirina para tratar das rachaduras, porém, deve fazer um creme, vou te ensinar como preparar: 5 comprimidos AS que é chamado de “Melhoral” ou “Aspirina”; 3 colheres de sopa de hidratante corporal da sua preferência; 25 ml de água-oxigenada volume 10 e 25 ml de Glicerina bi-destilada.

Você deve dissolver estes comprimidos antes com um pouquinho de água e depois misturar com o resto dos ingredientes. Após colocar esta pomada, calce uma meia, para ajudar na hidratação.

Óleos vegetais sim

O óleo de coco é o meu queridinho, tanto para colocar nos cabelos, como para usar em outras partes do corpo, não seria diferente para hidratar os pés e o calcanhar. Fica a dica!

O poder da água morna

Você pode escaldar os pés na água morna também; a dica é colocar um hidratante e deixar os seus pés lá, por uns 15 minutos.

Manteiga de cacau nos pés

Como falamos mais a cima, uma das causas dos pés rachados, pode ser o tempo seco e frio, logo, a manteiga de cacau é indicada justamente para este fim, não apenas para os lábios ressecados.

De acordo com Jéssica Nunes, Jéssica Marcelino e Vânia Novotny, em um estudo sobre os pés, citando Souza e Vargas (2004), a pele também age como órgão sensorial, participa do sistema imunológico e exerce outras funções como a produção de vitamina D, excreção de eletrólitos e outras substâncias.

Ou seja, é importante observar a saúde da sua pele, tanto dos pés, como do corpo todo, garantindo hidratação e cuidando do seu sistema imunológico.

Recomendamos:  Sementes de linhaça são ricas em ômega-3 e ajudam no controle da diabetes

Com isso, reforçamos novamente a importância não apenas da hidratação, mas de uma alimentação saudável também, com vitaminas, minerais e menos alimentos industrializados.

<<< outras matérias