O amor sempre será o melhor remédio da humanidade, o combustível da vida

1065
O amor sempre será o melhor remédio da humanidade, o combustível da vida

O amor é a forma universal de compreensão do sentimento humano. As pessoas por meio do amor, compreendem sensações, olhares e sentimentos que independem de conceitos prévios. O amor puro, propriamente dito, ultrapassa qualquer barreira relacionada aos aspectos humanos de cor, raça, sexo, e religião.

Não há nenhuma fórmula prévia e certeira que tenha o amor como resultado exato, além do próprio sentir. É como loteria e feliz aquele que dentre milhares, consegue levar o prêmio e usufruir dele ao longo da vida.

O sentir que o ser humano busca incansavelmente, mas que nos dias de hoje não é o que alcança com frequência, nos faz procurar conclusões que explicam a contradição em que o ser humano se encontra ao buscar sentimentos inexplicáveis, e, ao mesmo tempo se condicionar à liquidez das coisas e à fragilidade do que não é verdadeiro.

Talvez encontrar espaços e explicações para sentimentos que na realidade não podem ser identificados como amor, é o que afasta o ser humano do real alcance desse sentimento.

Criar obstáculos para o sentir, é o que forma um abismo entre o que é vivido, e o que é de fato “amado”.

O amor que transcende tempo, espaço e foge da racionalidade humana, é quase como um tesouro, pois só ele, na sua pureza e simplicidade, é capaz de sustentar grandes empreendimentos amorosos, grandes famílias, grandes amizades, e pode sustentar de forma verdadeira e fiel à todas as tempestades e ventanias que possam surgir.

Há quem diga que o amor é o verdadeiro segredo da felicidade e ela é a principal companheira do bem-estar humano. Ser feliz, é tão simples quanto um sentimento, o amor.

Este que não pode ser comprado ou vendido, é genuíno e não está disponível nas vitrines das lojas e nem pode ser moeda de troca através de bens materiais.

Recomendamos:  Os filhos nos dão força para continuar, eles são a nossa inspiração

Mas o amor, visto como ele é, genuinamente, nunca poderá ser utilizado como justificativa para vingança, inveja, ingratidão e todas as ações que divergem do real sentido desse sentimento. O amor, como em Coríntios 13:4-7, tudo suporta, tudo crê, é paciente e é bondoso.

Na tentativa de descrever o sentir que de fato é indescritível e somente pode ser atestado verdadeiramente por aqueles que o vivem, o amor recai na descrição vã do que pode ser identificado como amor nos dias de hoje, e é facilmente deturpado e transformado em uma vida de aparências.

O amor na própria personificação de Deus, foi utilizado para ensinar a humanidade quais os caminhos que devem ser seguidos para viver em paz e em harmonia com o outro.

A imponência do amor que vem do próprio Deus, e por meio dele se constrói, permite que seja percebida a diferença entre as bases sólidas criadas pelo amor verdadeiro, e as bases ilusórias formadas por sentimentos irreais.

A beleza do amor está em ser justamente o que não precisa ser explicado, não são necessárias grandes teorias, tampouco é necessário diploma, riqueza econômica, estatuto social.

O amor atinge as pessoas independentemente de suas características, físicas, ou suas especificações sociais, é o que transcende qualquer forma de preconceito, e nega qualquer discriminação.

O sentir depende apenas de si mesmo, de forma genuína. Todas as explicações sobre o que de fato descreve o amor, nunca são páreas o suficiente para quem o sente e se permite sentir.

O amor é a língua universal de que todos falam, mas poucos realmente sabem o seu significado e o colocam em prática.

O mundo não seria mais o mesmo se encontrássemos soluções para os problemas com base no amor, talvez essa seja a necessidade primordial do ser humano, amar e ser amado, de diversas formas.

Recomendamos:  Assim nós nos construímos, as coisas não surgem do nada

Guerras poderiam ser findas e mortes poderiam ser evitadas. O amor tudo transforma. E por meio dele, o melhor é emitido e milagres podem acontecer.

O amor na terra pode ser a herança mais próxima e verdadeira de Deus entre os homens, é a possibilidade de desenvolver sentimentos e características divinas, em meio aos anseios da carne e pecados naturais.

Diante de todas as situações que possam envolver o ser humano e suas necessidades, o clichê mais verdadeiro retorna ao sentido maior: o amor é e sempre será o melhor remédio para a humanidade.

<<< outras reflexões