Como fazer soro caseiro com sal e açúcar (o soro que salva vidas)

201
Como fazer soro caseiro com sal e açúcar

O Soro Caseiro também é conhecido como “o soro que salva vidas”, pois pode ser administrado em crianças, adultos e até animais domésticos para prevenir ou tratar a desidratação em sua fase inicial.

Além dos dias de verão, onde nosso corpo elimina muitos líquidos, o clima seco também pode causar desidratação, portanto, fique atento aos sintomas como: muita sede; boca seca; urinar e suar menos que o habitual; urina de cor escura; cansaço e tontura.

O soro também ajuda a repor os líquidos perdidos em casos de vômitos e diarreia. Mas você sabia que o soro deve ser preparado de uma forma adequada para que faça o efeito correto?

É muito importante que o soro seja preparado com as medidas específicas, além disso, também deve ser administrado na quantidade certa.

Vamos falar um pouco mais sobre a história do soro caseiro, os benefícios do soro caseiro, como fazer soro caseiro com sal e açúcar, quem não deve utilizar o soro caseiro e como administrar o soro caseiro da forma correta.

História da solução e como fazer este soro caseiro com sal e açúcar

A receita que conhecemos hoje como soro caseiro, foi criada pelo médico Nobert Hirschhorn que trabalhava em um país que hoje tem o nome de Bangladesh, onde havia uma grande epidemia de cólera.

Por ser um país muito pobre, ele precisou desenvolver uma receita que fosse simples e barata para poder ajudar as pessoas, já que o soro utilizado na época era aquele intravenoso (colocado na veia) e administrado no hospital, o que era muito caro e a maioria da população não tinha acesso.

Para isso, Hirschhorn se envolveu em pesquisas sobre terapia de reidratação oral em 1964, ele precisava encontrar um equilíbrio entre os ingredientes e descobrir qual era a medida correta para que fizesse efeito, até porque qualquer um dos ingredientes na quantidade maior ou menor, poderia fazer não apenas com que a solução não funcionasse, mas que também causasse danos mais graves.

Recomendamos:  7 Dicas naturais para se livrar das moscas

O Médico comenta que a comunidade médica, em geral, duvidava que uma mistura tão simples pudesse ser tão eficaz, no entanto, uma média de 50 milhões de pessoas já foram salvas através desta simples receita caseira, por isso ele é conhecido como o Soro que salva vidas.

Segundo a revista científica The Lancet, a descoberta da terapia de reidratação oral seria potencialmente o avanço médico mais importante do século XX!

Você sabe quanta água deve beber por dia?

Os dados da OMS — Organização Mundial de Saúde, são de que a diarreia mata cerca de 760 mil crianças por ano e esse é um dos fatores que torna a descoberta tão importante, além do baixo custo, o que faz com que as pessoas que mais precisam, possam ter acesso a este recurso.

Benefícios do soro caseiro para saúde

O soro caseiro é uma solução feita em casa para tratar especialmente a desidratação, a ingestão do soro ajuda a repor os sais minerais e os líquidos perdidos em casos de diarreia e vômitos. Muito comuns em casos de doenças como dengue, gastroenterite e cólera, por exemplo.

Como preparar este soro caseiro com sal e açúcar

O criador da receita afirma: “As proporções são cruciais. Para obter a absorção ideal de água, você precisa da mesma quantidade de glicose e sódio”.

É importante lembrar que um erro na quantidade de sal ou de açúcar pode agravar o problema, causando até mesmo convulsões em uma criança desidratada, por isso a receita deve ser seguida passo a passo.

Para evitar erro nas quantidades, a Pastoral da Criança oferece a colher-medida, distribuída gratuitamente para as famílias com crianças e gestantes no Brasil e nos outros 11 países onde atua.

  • 1 copo de água filtrada ou fervida
  • 2 colheres rasas de açúcar (use o lado grande da colher padrão)
  • 1 colher rasa de sal (use o lado pequeno da colher padrão)
  • Misture bem os ingredientes e o soro estará pronto.
Recomendamos:  Como limpar o colchão de forma a eliminar fungos e ácaros

Caso você não tenha a colher de medida, poderá preparar o soro de forma correta utilizando uma colher de sopa de açúcar bem cheia (20 gramas) e 1 colher de café de sal (3,5 gramas) em 1 litro de água fervida, filtrada ou mineral de garrafa.

Quem não deve utilizar esta solução?

Se for um caso muito grave de desidratação, o médico deverá ser procurado imediatamente, como mencionamos anteriormente, o soro caseiro é para ser utilizado em casos iniciais de desidratação.

Portadores de diabetes também não devem utilizar o soro caseiro por causa da glicose contida na mistura.

Se a criança vomitar logo após consumir o soro, também deverá ser levada ao médico, pois ela não está repondo o líquido perdido através do soro.

Como tomar este soro caseiro?

Não é recomendado tomar mais de meio copo de soro por vez, o ideal é consumir alguns goles no decorrer do dia. Para as crianças, os pais devem dar o soro em pequenas quantidades, usando uma colher ou um copo.

Lembre-se também que a validade do soro caseiro é de 24 horas, o que não for consumido nesse período deverá ser descartado.

Caso os sintomas continuem, o médico deverá ser consultado.

Este é o soro caseiro que salva vidas! Simples de fazer, com ingredientes que normalmente temos em casa e com custo muito baixo, mas extremamente eficaz como foi comprovado pela OMS, UNICEF e pela comunidade científica.