Coma ovos regularmente para perder peso e manter a saúde

5173
Coma ovos regularmente para perder peso e manter a saúde

Pelo simples fato de gerar uma vida, os ovos geram fascínio nas pessoas desde a antiguidade. No antigo Egito, era atribuído aos ovos a origem do mundo. Para os chineses, o ovo deu origem ao pássaro da luz e desde cerca de 5 mil anos atrás, existe na China, o costume de se presentear com ovos pintados no início da primavera.

Na Grécia e Roma antiga, ovos coloridos eram pendurados e distribuídos para comemorar a chegada do ano novo. Os germânicos enterravam ovos nos túmulos dos entes queridos para desejar a ressurreição.

No ocidente, o cristianismo atribuiu ao ovo a simbologia de fertilidade, ressurreição e vida eterna. No evangelho de São Lucas, Jesus chamou o ovo de um bom presente durante a narrativa de uma das parábolas.

O próprio costume dos ovos de páscoa tem uma origem muito interessante: na idade média a igreja proibia o consumo de ovos e pratos com carne durante a quaresma. Os ovos só voltariam a ser consumidos no domingo de Páscoa.

Para a época da páscoa, também, os agricultores pagavam parte dos impostos ou aluguéis devidos à igreja com a entrega de ovos produzidos em suas propriedades, que seriam cozidos e decorados para a celebração da Páscoa.

Por que consumir ovos é tão bom para nós?

O ovo é reconhecido como o segundo alimento mais completo que existe, perdendo apenas para o leite materno.

Os ovos são fonte valiosa de energia para nosso corpo de maneira ideal. Além de proteínas, está repleto de vitaminas como vitamina D, B12, K e biotina, além de aminoácidos essenciais e minerais, principalmente selênio e ferro.

Ao mesmo tempo, um ovo contém uma alta proporção de ácidos graxos insaturados.

Os ovos são alimentos naturais que desempenham um papel super importante em uma dieta variada e equilibrada. Eles são uma fonte valiosa de numerosos nutrientes vitais.

A proteína do ovo é considerada uma proteína com o maior valor biológico. A proteína animal tem um valor biológico mais alto que a proteína vegetal.

A composição comestível é a água, seguida de proteínas, gorduras e carboidratos. A gema do ovo é rica em gordura e colesterol.

Os ovos são uma fonte importante de ácido fólico, biotina e vitamina A e contêm vitaminas D, E, vitamina K, B2, B12 e ferro.

Os ovos também fornecem colina, que é importante para o metabolismo processar e absorver o consumo das proteínas.

A colina também é um componente da lecitina, que atua como emulsificante, desempenhando um papel importante na digestão de gordura no intestino delgado e na absorção do colesterol.

Por fim, os ovos fornecem os dois carotenoides chamados, Luteína e Zeaxantina, que são importantes para a saúde dos olhos.

Esses carotenoides são responsáveis pela composição saudável da retina, a área com maior acuidade visual. Consumir ovos regularmente melhora o desempenho da visão noturna, por exemplo.

As pessoas de mais idade podem se beneficiar desses nutrientes de forma a evitar o aparecimento de catarata ou degeneração macular dos olhos, a degeneração de parte da retina chamada mácula, que leva a perda progressiva da visão.

Proteína de alto valor biológico e facilmente digerível

O valor biológico da proteína do ovo de galinha é de 100%. Isso significa que 100 gramas de proteína do ovo geram as mesmas 100 gramas de proteína.

Recomendamos:  Como acabar com os Pernilongos (Dicas Infalíveis)

Qualidade dos ovos — quanto mais fresquinho, melhor

Geralmente consumir ovos frescos é mais gostoso. Os ovos com cerca de três a cinco dias desde a data da postura têm um sabor melhor, mas quando conservados em baixa temperatura, podem durar até 60 dias na geladeira.

O teste da tigela com água

Coloque uma tigela grande com água e distribua os ovos dentro. Aqueles com menos de três dias permanecerão no fundo, enquanto os mais velhos vão subir.

Um ovo que tenha de duas a três semanas fica quase verticalmente em pé, próximo à superfície. Ovos com mais de quatro semanas flutuarão na superfície da água.

Quanto mais frescos, mais saborosos são os ovos, mas o fato de serem mais antigos não significa que estão estragados.

A forma correta de guardar os ovos na geladeira é com a parte pontuda para baixo, assim a gema ficará bem centralizada.

Depois de quebrados é possível guardar por dois dias na geladeira. As claras, se separadas das gemas, duram mais, podem ser guardadas por até uma semana.

Como escolher o ovo ideal — prefira ovos orgânicos 

Os ovos orgânicos são mais saudáveis do que ovos de granja. Vários estudos comprovam que os ovos orgânicos têm aroma mais agradável e níveis maiores de ácidos graxos e ômega-3.

A clara dos ovos orgânicos tem melhor consistência, mais firme e gelatinosa. Porém, as gemas destes ovos costumam ser menor e de cor mais suave porque as galinhas poedeiras consomem naturalmente seus nutrientes ao invés de serem alimentadas com hormônios e corantes sintéticos, como alimentos impostos de forma não natural.

Como consumir este poderoso alimento?

Cada ovo é um pacote compacto de proteínas e nutrientes em estado puro, já entregue pela natureza numa embalagem natural própria que permite que ele seja armazenado por várias semanas até o consumo.

O ovo pode ser consumido por si mesmo como complemento de refeições nutritivas de preparo rápido e fácil como ovos cozidos, fritos ou ovos mexidos e omeletes, como também entra na composição de vários pratos e sobremesas deliciosos como caçarolas tortas e bolos.

Além de toda essa versatilidade, ovos são alimentos populares e muito baratos.

Ovo cozido — a melhor opção

Alguns nutrientes, como proteína e biotina — importantes para nossa pele, cabelo e unhas — só podem ser absorvidos adequadamente pelo corpo depois que o ovo for aquecido.

Os ovos não devem ser cozidos por muito tempo, no máximo 5 minutos. Depois de mais de dez minutos, uma borda preto-azulada fina pode se formar sobre a gema — uma reação natural do ferro contido na gema do ovo com a proteína.

Como o ovo é cozido apenas em água, sem adição de óleos vegetais, por exemplo, ele é menos calórico e mais recomendado para dietas em que exista controle de calorias, para perda de peso, por exemplo, e também para a saúde.

Recomendamos:  Caminhada de 15 minutos na floresta melhora a saúde e combate depressão

Ovos fritos

Para ovos fritos, procure utilizar sempre ovos orgânicos frescos. Quando os ovos são mais velhos, as gemas praticamente se desfazem na frigideira.

A melhor opção será usar uma frigideira anti-aderente de cerâmica ou revestida de material anti-aderente em boa qualidade (embora sejam difíceis de reciclar e prejudiciais à saúde se não estiverem em bom estado).

As opções mais adequadas são banha ou manteiga orgânica e óleos vegetais com altas quantidades de ácidos graxos monoinsaturados como o óleo de coco, óleo de palmiste (extraído do miolo de palmeiras) e óleo de abacate.

Ovos mexidos

Ao preparar ovos mexidos você também economiza nas calorias em relação ao ovo frito, pois precisa de muito menos óleo no preparo. Você também pode desfrutar de ilimitadas opções de sabores e acompanhamentos.

Basta adicionar vegetais picados e ervas. Os fãs de queijo adicionam, parmesão ou qualquer outro. Fica ótimo com cogumelos paris e tomate picadinho.

Comer ovos no café da manhã — alimento para o cérebro e todo o corpo 

Consumir dois ovos no café da manhã é ideal para fortalecer as células cerebrais, porque contém muita lecitina, que por sua vez contém colina e atua no cérebro como uma espécie de combustível.

De acordo com estudos técnicos, a substância colina é um dos componentes mais importantes na estrutura cerebral.

O desempenho da memória de curto prazo aumenta de forma mensurável, cerca de duas horas após você consumir ovos.

Incluir dois ovos no seu café da manhã também proporciona muitas vitaminas do complexo B, especialmente B2, B6, B12, que aumentam o desempenho do metabolismo, que passa a queimar gorduras e carboidratos e convertê-los em energia.

Então, a partir de agora coma um ovo no café da manhã — e comece o dia sentindo-se energizado.

Consumir ovos preserva a boa visão

Os ovos de galinha contêm luteína, que é inicialmente responsável pela cor amarela da gema do ovo. A luteína tem efeito positivo na acuidade visual.

O risco de desenvolver catarata é reduzido, por exemplo, quando comemos luteína de forma consistente.

Consumir ovos ajuda a perder peso

Ovos mantém você saciado por mais tempo. Em um estudo da Universidade de Saint Louis, os pesquisadores descobriram que quem come ovos no café da manhã fica mais saciado e tende a consumir até 330 calorias a menos em média por dia.

Além disso, o ovo é um super aliado nas dietas low carb, pois cada ovo, de cerca de 100 gramas contém apenas 1,1 grama de carboidrato.

Ovos de galinha também trabalham para o emagrecimento em níveis hormonais. O hormônio, adinopectina, aumenta o efeito da insulina sobre o tecido adiposo — fazendo com que o metabolismo queime maior quantidade de gordura para se manter ativo, o que ajuda os quilos extras derreterem.

Os ovos fortalecem o sistema imunológico

O corpo precisa de absorver proteínas para construir células saudáveis e imunes, e os ovos fornecem proteínas de alta qualidade.

A gema do ovo também contém caroteno, que protege as células do corpo contra efeitos de radicais livres.

Recomendamos:  8 Benefícios da urtiga para a saúde e como usar

Finalmente, o corpo pode converter o caroteno em vitamina A, necessária para a formação e manutenção das membranas mucosas.

Ovos fortalecem ossos e dentes

Os ovos são fonte natural de vitamina D, essencial para a correta absorção de cálcio pelos ossos. A deficiência de vitamina D leva a raquitismo em crianças e osteoporose em adultos.

Os ovos são saudáveis ​​e ajudam a combater o estresse

Certos alimentos contêm substâncias anti-stress altamente eficazes. Os melhores alimentos são: os ovos e vegetais verdes escuros, que contém zinco; nozes, bananas e frutas cítricas, que contém magnésio; mariscos e cereais contém cromo.

Procure consumir diariamente alimentos de pelo menos duas dessas categorias para combater os efeitos do estresse no dia a dia. Isso se deve ao fato que o ovo fornece triptofano para nosso corpo, um poderoso aminoácido que age aumentando a produção de serotonina e combate a ansiedade e o stress.

Os ovos fortalecem os músculos

100 gramas de proteína do ovo são suficientes para produzir 94 gramas da própria proteína do corpo — a partir da qual nosso corpo constrói seus músculos.

Ovos combatem e previnem anemia

A vitamina B 12 e o ferro contidos nos ovos garante que o corpo possa usar ativamente o ácido fólico armazenado para a formação de sangue e produção de glóbulos vermelhos.

Comer ovos ajuda você a ter aparência mais jovial

Não apenas você tem uma aparência melhor e mais saudável… Você também pode desfrutar melhor de um processo natural de envelhecimento.

Cientistas holandeses demonstraram que o consumo regular de ovos pode reduzir as temidas rugas ao redor dos olhos.

Ovo x colesterol

Devido ao teor de colesterol benéfico presente no ovo, o consumo excessivo muitas vezes foi criticado.

Porém, estudos e pesquisas atuais mostram em seus resultados que, o consumo regular de ovos dificilmente aumenta as taxas de colesterol, portanto, atualmente não se fixa mais nenhuma quantidade limite para o consumo de ovos.

Em vez de renunciar ao consumo de ovos para ter níveis de colesterol saudáveis em seu corpo, é melhor recorrer a medidas saudáveis de longo prazo como cuidados com o peso excessivo, a prática de exercícios e o hábito de não fumar.

Esses processos têm um impacto muito mais positivo nos lipídios e na saúde do coração, do que evitar o consumo de ovos.

Coma, ovos

Logo, se você deseja proporcionar à sua saúde todos os benefícios que mencionamos, desfrute sem culpa do prazer de comer pelo menos um ou dois ovos por dia e até três.

Este alimento é tão importante que ganhou até um Dia Mundial do Ovo, você sabia? Comemorado sempre na segunda sexta-feira do mês de outubro de cada ano.

A data foi instituída pela International Egg Comission em conjunto com a Organização Mundial da Indústria de produção de ovos, sediada em Londres, Inglaterra, que reúne associações presentes em 60 países.

Não desperdice esta fonte de vida que é tão benéfica e barata!

<<< outras matérias