Caminhar descalço na praia acalma a mente e melhora a saúde

22932
Caminhar descalço na praia acalma a mente e melhora a saúde

“A vida é melhor na praia.” Com certeza você já viu essa frase tão verdadeira da cultura popular amplamente divulgada nas redes sociais, legendando fotos das férias à beira-mar, do nascer, ao pôr do sol. A vida realmente pode ser melhor quando você têm o hábito de caminhar na praia. Mas, porque o mar tem tanta atração e encanto sobre nós?

Existem estudos científicos na área da psicologia e psiquiatria sobre o fato do mar ser um ambiente que conecta e atrai a todas as pessoas.

Estudos de psicologia explicam que ambientes de praia nos inspiram melhor do que outras paisagens naturais como montanhas, o campo ou deserto, pois temos a tendência a gostar mais de cenários que contém água.

Neste caso, cenários que contém um lago, rios e cachoeiras também teriam esse efeito inspirador sobre nós, porém para a maioria absoluta das pessoas, o mar é o ambiente mais procurado para ser desfrutado como contraste absoluto da vida cotidiana, o destino perfeito para férias com direito a relaxamento, bem-estar e diversão.

Podemos experienciar o mar com todos os nossos cinco sentidos

Um fato sem dúvida especial sobre o mar é que nós o apreciamos com todos os nossos cinco sentidos: olfato, paladar, visão, tato e audição.

Podemos sentir o cheiro característico do ar salgado e úmido. Quem já teve um pouco de água salgada na boca ao ser surpreendido pelas ondas, já pôde provar o gosto do mar.

O mar também nos reserva deliciosos alimentos: quem passa férias na costa pode comer peixe e frutos-do-mar especialmente frescos. Aqui o amor pela praia literalmente nos cativa pelo estômago. 

Outro sentido absolutamente estimulado pelo mar é a nossa visão. Se ficarmos na praia ou em um penhasco e olharmos para o mar, podemos ver até o horizonte muito distante, tendo uma sensação de infinito.

O mar em movimento também nos proporciona a visão do espectro de ondas de luz em tons de azul e verde e proporciona efeito calmante, relaxante e redutor de estresse.

A praia é um completo deleite sensorial para nosso tato. Nossos pés desempenham um papel muito especial nisso: raramente sentimos o chão sob nossos pés, porque geralmente estamos usando meias e sapatos.

Sentir a areia por entre os dedos dos pés, ser surpreendido por uma onda refrescante que nos toca e retorna ao mar, traz a presença do contato com nosso próprio corpo — e com a natureza.

Na praia, muitas vezes estando menos vestidos, então sentimos também por toda a nossa pele, o sol, a água e o vento de maneira intensa e revigorante. Raramente temos como experimentar essas impressões sensoriais em nossas vidas cotidianas nas cidades.

E o tempo todo temos o som cadenciado, rítmico e agradável do mar, prática que comprovadamente reduz os níveis de cortisol, o hormônio do stress em nosso corpo.

Caminhar ou correr na praia?

Além da bela vista do mar, caminhar ou correr na praia tem muitos benefícios para a saúde conhecidos.

Andar ou correr sobre a areia, mesmo que mais lentamente, enquanto seus pés afundam, exige até o dobro de esforço do que praticar a mesma atividade física em superfícies planas.

Ao caminhar na areia da praia, você estimula a circulação sanguínea, panturrilhas, o sóleos, os tornozelos, os quadríceps e todos os outros músculos das pernas em geral.

Por outro lado, andar na areia da praia é uma sensação tão agradável e revigorante que a maioria das pessoas caminha mais do que normalmente faria em esteiras, trilhas ou pelas ruas da cidade. Os passos medidos no pedômetro aumentam sem esforço.

Se você optar por caminhar na parte rasa da água, já dentro do mar, aproveitará também os efeitos das ondas e do iodo da água, o que ajuda a prevenir varizes e estimula muito a circulação sanguínea por causa do esforço causado pela superfície fofa e a resistência dos nossos movimentos à água.

Recomendamos:  Muitas pessoas não gostam, mas o frio melhora a pele, cabelo e combate doenças

Também existem benefícios a beleza, pois o atrito da areia na pele dos pés é um esfoliante natural maravilhoso. Andar descalço na areia da praia, resultará em pés e calcanhares mais macios em pouco tempo.

Aterramento energético

Ficar calçado, operando computadores, celulares, e equipamentos eletrônicos, o tempo todo em casa ou no seu trabalho, acumula em seu corpo, grande quantidade de elétrons positivos que baixam a imunidade e aumentam a exposição a doenças.

Você já percebeu que às vezes, está tão carregado de eletricidade estativa que dá pequenos choques em contato com as coisas ou pessoas?

Quando nos aterramos energeticamente, operamos nosso corpo de forma mais eficiente e harmoniosa, aumentando nossa energia, saúde e bem-estar para desfrutar de uma vida longa e saudável.

Uma técnica simples é andar descalço, permitindo a troca de energias com o solo pelos pés. E andar descalço pela praia é muito prazeroso.

A areia e a água do oceano, cheia de minerais como cloro, sódio, sulfato, magnésio, cálcio, potássio e bicarbonato, naturalmente ricas em nutrientes, ajudam a aterrar o corpo e a remover o excesso de elétrons positivos.

O som é calmante, o mar acalma a alma

Você já esteve perto do mar agitado? O barulho mar estará mais alto que uma rua movimentada, mas mesmo assim, é como música para nossos ouvidos.

Mesmo que o ruído das ondas esteja muito alto, não o percebemos como um ruído desagradável ou estressante. Pelo contrário: o som das ondas age como uma qualidade sonora de meditação sobre nós.

Não se trata da intensidade do som, mas sim da sua origem. Nosso cérebro pode processar sons naturais muito melhor do que os sons artificiais ou tecnicamente produzidos, como uma cidade movimentada.

Além disso, o ritmo cadenciado das ondas tem um efeito calmante sobre nós. A frequência nos traz adequação ritmada de forma similar ao ritmo do processo de respiração natural em estado calmo das pessoas, por isso o som do mar é um processo relaxante.

Recentemente, médicos descobriram através de pesquisas amparadas por aparelhos de medição, que as pessoas que estão próximas a ambientes com som cadenciado de água ou tem contato com a água, experimentam menos estresse, ou ansiedade e desfrutam melhor sensação de calma.

Estudos comprovam que o som do mar pode aliviar a dor e isso tem sido empregado com sucesso em terapias de reabilitação ou tratamento da dor, com uso para desde a prática de cirurgias odontológicas até recuperação de cirurgias mais complexas no corpo humano.

Efeitos da luz solar — Aumente seus níveis de vitamina D

Com certeza passar as férias em uma região ensolarada é uma opção mais saudável ​​do que uma estadia em um local onde o sol raramente brilha.

Sob a influência da luz solar, a vitamina D em nosso corpo é liberada, o que é bom para os ossos e dentes e também para resistência imunológica e bem-estar geral. Apenas procure os horários em que o sol tem menor efeito de radiação ultravioleta como o início da manhã ou final da tarde.

Água do mar faz bem pra pele?

O litoral também é bom para a nossa pele. Os cientistas afirmam que o magnésio na água do mar aumenta a elasticidade da pele, hidrata-a e melhora sua aparência.

Sal e cloreto de potássio, que são naturalmente encontrados na água do mar, são ótimos curadores para alergias cutâneas e doenças de pele como a psoríase.

Um mergulho na água fria do mar não apenas fortalece o sistema imunológico, mas também aumenta a circulação sanguínea e acelera o metabolismo. A água salgada solta as células mortas da pele e tem um efeito levemente anti-inflamatório.

Recomendamos:  Coloque seus pés em vinagre e veja sua saúde melhorar

Por esse motivo, a pele parece agradavelmente macia, visivelmente refrescada e mais lisa após nadar no mar. Os minerais presentes na água do mar, principalmente o iodo e o sódio ajudam a prevenir o envelhecimento.

Mais oxigênio e uma respiração melhor a beira-mar

Aproveite para poder respirar com mais facilidade durante e depois de um dia na praia. Há uma tendência natural de se inspirar com mais eficiência e intensidade, porque o ar fresco do mar é muito bom para os pulmões. Nosso corpo precisa do oxigênio ao nível celular, para produção energética.

A razão pelo qual o ar marinho é tão saudável é que ele é bastante úmido, contendo gotículas microscópicas de água do mar, enriquecidas com sal, iodo, magnésio e oligoelementos, que são espalhados no ar pelo vento e pelas ondas.

Pessoas com alergias ou doenças respiratórias também se beneficiam da brisa salgada e úmida do mar.

É comprovado que o sal atua no sistema respiratório de pessoas e animais como anti-inflamatório e mucolitico, ou seja, fluidificando as secreções de muco e catarro, desobstruindo as vias aéreas, promovendo conforto e alívio respiratório rápido.

Assim, pessoas com problemas respiratórios como asma e sinusite conseguem respirar com mais conforto na praia.

Além disso, o ar do mar está quase completamente livre de poluentes e vapores nocivos, fumaça de exaustão e partículas de fuligem, especialmente em áreas ecologicamente protegidas.

Menu a base de frutos-do-mar — benefícios a alimentação

Muitas vezes nas férias da praia, chegamos a emagrecer. Isso ocorre porque quando está quente, muitas vezes não temos apetite para comer exageradamente grandes porções ou muita carne vermelha. Na maioria das vezes, temos mais desejo por uma salada fresca ou um delicioso peixe grelhado.

Férias à beira-mar também promovem uma alimentação saudável, o que, afeta seu estado de espírito. Os cientistas descobriram que as pessoas que comem peixe regularmente têm menos probabilidade de sofrer de depressão do que aquelas que evitam frutos-do-mar.

Uma dieta marinha é embalada com ácidos graxos ômega-3, ácidos graxos essenciais que promovem o crescimento das células cerebrais. A tendência é que também fiquemos mais bem hidratados. Afinal, é muito mais fácil beber até 2 litros de água por dia sob o sol do feriado na praia.

Aqueles que conseguirem manter esses hábitos de alimentação e boa hidratação mesmo após as férias prestam um ótimo serviço à sua saúde. Parece que as pessoas que vivem no Mediterrâneo estão são mais saudáveis ​​e tem vida mais longa. Isto é atribuído principalmente às frutas frescas, vegetais frescos, peixe e azeite.

Para pesquisadores e estudiosos, ainda há muito que descobrir debaixo do mar

“Você ama o mar, capitão?”, pergunta o professor Aronnax. “Oh sim! Eu amo isso. O mar significa tudo para mim. . . É um deserto incomensurável, onde as pessoas nunca estão sozinhas, porque sentem a vida pulsando ao seu redor”, respondeu o capitão Nemo a bordo do Nautilus — este diálogo entre os personagens do livro “20 mil léguas Submarinas”, obra de Júlio Verne, acontece dentro de um veículo subaquático imaginado pelo autor ainda no século dezenove, muito antes de existir qualquer tipo de submarino inventado.

Ainda atualmente, o mar é um dos últimos lugares do planeta onde os exploradores e pesquisadores ainda podem descobrir algo.

Para isso, eles precisam mergulhar no mundo subaquático, onde o som do mar dá lugar à calmaria, muito mais profundamente do que é possível mergulhar com um cilindro de oxigênio.

Relaxamento e bem-estar — quando olhamos para o mar, olhamos para dentro de nós 

Como dissemos, apenas apreciar o som do oceano já tem benefícios semelhantes a uma seção de meditação. Ouvir as ondas pode realmente elevar o estado das ondas cerebrais liberando dopamina e serotonina, conhecidas substâncias químicas benéficas, na corrente sanguínea.

Recomendamos:  8 benefícios de fazer caminhada regularmente (+ dicas)

Seu cérebro é composto por 80% de água, por isso faz sentido que o som do oceano tenha um efeito natural em sua bioquímica e pode melhorar seu humor naturalmente.

O ar marinho é um poderoso terapêutico. É comprovado cientificamente que o ar oceânico também traz benefícios à saúde.

Os íons negativos no ar salgado do mar aceleram nossa capacidade de absorver oxigênio e equilibram nossos níveis de serotonina, uma substância química do corpo ligada ao humor e ao estresse.

É por isso que você se sente mais alerta, relaxado e energizado após umas férias na praia. É muito mais fácil organizar as ideias e assimilar conhecimentos aprendidos quando você sai para passear na praia.

Como atestam estudos psicológicos, as pessoas em contato com o mar se percebem melhor e sentem-se expansivas, prontas a atender seus desejos e recuperam sua vitalidade criadora novamente.

Além disso, as pessoas usam o mar como fonte de energia inspiradora. Nas palavras do psicólogo alemão Schmid-Höhne, “as pessoas sentem o poder da água, deixam-se levar pelas ondas e sentem que estão saindo com nova energia.”

Na ilha alemã de Sylt ou na costa litorânea de Portugal, ele atende e treina pessoas que tenham uma estressante vida cotidiana e querem melhorar sua qualidade de vida e saúde mental ou executivos de alto escalão que desejam melhorar seu desempenho a respeito de concentração e capacidade intelectual.

Também existe a possibilidade de enfrentarmos preocupações que nos afligem de forma mais clara e menos ameaçadora.

A parte que a nossa ansiedade força a enxergar a respeito de dificuldades e preocupações se torna muito pequena quando estamos em contato com o mar.

De repente, você se reconhece como um ser infinito diante da força maravilhosa da natureza e toda a energia que há ali.

Andar sozinho na praia faz você se sentir reflexivo a respeito de conceitos sobre a auto expansão espiritual e intelectual, enquanto está em contato com as maravilhas da criação divina.

Essa experiência ajuda a colocar os medos pessoais e problemas em outras perspectivas. É uma prática que ajuda você a relaxar, se desligar um pouco dos problemas e deixar sua vida fluir, sem o agravante daquela sensação de preocupação ansiosa e paralisante.

Eu particularmente gosto de estudar práticas sobre boas vibrações e a lei da atração e quando estou de férias na praia, essas habilidades parecem tornar-se ainda mais aguçadas, acredito que devido a me sentir mais revigorada.

Também sinto uma inspiração maior para trabalhar com práticas artísticas como pintura e a escrita criativa. Espero um dia morar perto da praia para que eu possa aproveitar todos esses sentimentos revigorantes e inspiradores com muito mais frequência.

Enfim, quanto tiver uma oportunidade, estar no litoral, com certeza pode significar experiências maravilhosas, tanto sensoriais quanto intelectuais e espirituais para sua saúde, seu corpo e sua mente.

Não importa em qual praia você possa fazer uma caminhada, é bom que você faça de caminhar na praia um hábito: a paisagem certamente será linda e todos os benefícios do contato com o mar e a areia da praia estarão disponíveis para você.

Estar próximo ao mar sempre proporcionará experiências agradáveis e fascinantes. Não deixe de reservar pelo menos uma oportunidade de assistir ao pôr do sol na praia, um espetáculo da natureza que com certeza vale muito a pena.

<<< outras matérias