6 Benefícios da pimenta malagueta para a saúde

285
6 Benefícios da pimenta malagueta para a saúde

Nos países mais quentes ao redor do mundo, é comum as pessoas gostarem de comer a comida com um sabor “mais quente”. A preferência por comida apimentada é um caso de amor que existe a milhares de anos e se mantém forte até hoje.

Estima-se que a produção global de pimenta-malagueta cresceu de 27 milhões de toneladas para 37 milhões entre os anos de 2007 e 2018, e hoje em dia é comum vermos o desenvolvimento de espécies cada vez mais potentes em sua ardência.

Existem teses e estudos que explicam que ao longo do tempo, as pessoas foram percebendo que alimentos condimentados com pimenta apodreciam e estragavam menos.

Biólogos analisaram milhares de receitas tradicionais de todos os países e descobriram que principalmente nos pratos feitos com carne em regiões de clima quente, onde há maior risco de alimentos estragarem, especiarias e principalmente pimenta são usadas com mais frequência e isso aumenta a durabilidade dos pratos e carne, armazenados.

6 Benefícios da pimenta malagueta para a saúde

Dentre os alimentos picantes, a pimenta-malagueta é uma das pimentas que naturalmente possui maior concentração das três substâncias que tem efeito positivo para nosso organismo: a capsaicina, a piperina e a piperetina, substancias que têm propriedades antibacterianas e anti-inflamatórias e tem efeitos positivos no sistema cardiovascular, estimulando a circulação sanguínea.

Os benefícios da comida apimentada se devem principalmente a capsaicina, presente em grande quantidade na pequena e ardente pimenta-malagueta.

Mas ao contrário da crença popular, a maior parte da ardência não se concentra nas sementes, mas no tecido esponjoso sob o caule e estrutura das partições internas das pimentas.

Aqui você vai ver que além das propriedades antibacterianas e conservantes, a pimenta-malagueta tem efeitos muito positivos para nosso organismo, como acelerar a queima de gordura e nos deixar mais felizes.

Recomendamos:  Caminhada de 15 minutos na floresta melhora a saúde e combate depressão

Comida temperada com pimenta-malagueta é antibacteriana e anti-inflamatória

O fato de substâncias picantes terem um efeito antibacteriano e desinfetante não apenas beneficia a vida útil dos alimentos, mas também a pessoa que os consome.

Para combater gripes e resfriados e reduzir dores e inflamações, comer alimentos apimentados de forma habitual pode fortalecer o sistema imunológico, aliviar sintomas e dores provocadas por inflamação, como, por exemplo, o reumatismo, tornando você uma pessoa mais saudável.

Sua comida apimentada é boa para a higiene bucal

Das muitas dicas sobre atendimento odontológico natural, incluem, entre outras coisas, um bom fluxo sanguíneo para as gengivas e estímulo do fluxo de saliva.

O efeito vasodilatador da capsaicina faz exatamente isso na boca. Além disso, a boa circulação sanguínea também melhora a sensação do paladar.

A ingestão mais lenta, que geralmente começa automaticamente com alimentos apimentados, estimula adicionalmente o fluxo de saliva, que também é bom para a indigestão e mau hálito.

Pimenta-malagueta melhora a digestão e estimula o paladar

A capsaicina também estimula as habilidades motoras gástricas e aumenta a secreção de suco gástrico. É assim que estimula e melhora a digestão.

O aumento da produção de suco gástrico possibilita a digestão mais rápida até mesmo de alimentos mais ricos em gorduras.

O fluxo de saliva também é estimulado por alimentos condimentados, que podem ter um efeito positivo na saúde dental.

O efeito vasodilatador da capsaicina, já mencionado, leva a uma melhor circulação sanguínea até mesmo nas membranas mucosas da língua, que estimulam o sentido do paladar.

Comida com pimenta-malagueta ajuda a perder peso

A ingestão de pimenta provoca o aumento do gasto calórico do organismo durante a digestão e o processo metabólico.

Estima-se que a capsaicina pode aumentar a taxa metabólica em até 20%. Assim, consumir pimenta-malagueta temperando a sua refeição te ajudará a queimar calorias.

Outro aspecto interessante sobre o emagrecimento mostrado por um estudo australiano, explica que comida apimentada regula os níveis de insulina.

Recomendamos:  Como acabar com a tosse (sugestões práticas e receitas naturais)

Níveis altos de insulina no corpo reduzem a queima de gordura e, em vez disso, induzem o nosso metabolismo a promover o armazenamento de gordura.

Um baixo nível do hormônio é, portanto, útil se você deseja perder peso. A produção de calor provocada pela ingestão da pimenta também aumenta a necessidade de produção e gasto de energia.

Comer pimenta-malagueta regula a temperatura corporal

A ardência provocada ao consumir o alimento estimula a circulação sanguínea e o metabolismo ao mesmo tempo.

Afinal, quem não percebeu que depois de umas mordidas apimentadas, aparecem aquelas gotinhas de suor na testa.

Esse aumento da transpiração diminui a temperatura corporal e tornando mais suportável o calor no verão, é por isso que você tem aquela sensação de estar suando frio na hora!

Comer pimenta-malagueta te deixa mais feliz

A ardência provocada pela pimenta, além do sabor atípico no sentido estrito, provoca um estímulo corporal semelhante ao efeito da dor, que faz com que endorfinas sejam liberadas por esse estímulo. Esse hormônio leva a sentimentos de felicidade.

É por isso que se diz que comida apimentada e temperada por especiarias quentes deixarão você mais feliz. Visto dessa forma, aí está mais um ponto positivo para apreciar pratos apimentados, algo que realmente vai nos fazer muito bem.

Mas… não exagere!

No caso de problemas estomacais ou intestinais, o consumo das pimentas ou condimentos muito fortes devem ser evitados, pois, a produção estimulada de sucos gástricos pode intensificar sintomas como azia, queimação e gastrite, ou provocar diarreia e irritação da bexiga.

Mulheres grávidas e crianças também podem ser particularmente sensíveis à comida apimentada, mas não há recomendação de que precisem totalmente descartar a pimenta-malagueta, se apreciam refeições com o seu tempero.

Em geral, você precisa confiar no seu bem-estar e nas suas preferências pessoais. Se você sentir que algo muito picante, não é agradável, você pode refutar esta opção com tranquilidade.

Recomendamos:  A Selenita é uma das pedras mais poderosas do mundo, tenha uma em sua casa

Para aqueles que não gostam do sabor, acostumar-se à comida apimentada é uma coisa que raramente vai acontecer.

Como você lida com a comida picante? Independentemente de você pensar que a pimenta-malagueta complementa maravilhosamente suas refeições ou estar seguindo algum instinto ancestral para evitar alimentos estragados, apreciar pratos preparados com esta pequena notável realmente poderá fazer muito bem para sua saúde e para o seu bom humor.

Veja também: