8 sinais que você tem uma dívida cármica e como pagar

8 sinais que você tem uma dívida cármica e como pagar

A vida é um processo complexo e profundamente integrado. Às vezes, não entendemos quais consequências nossas ações acarretarão. O ser humano está cheio de competição, e por isso mesmo devemos ter em mente as leis do carma para não acumular dívidas cármicas. É como uma hipoteca que o perseguirá em sua vida atual e futura.

No entanto, os princípios do karma são bastante simples e fáceis de seguir. Na verdade, ser enganoso e desonesto é muito mais difícil do que viver de acordo com as leis do carma.

O que é dívida cármica

A dívida cármica é acumulada nas seguintes situações:

  • Quando as pessoas não cumprem suas obrigações – o mais importante, para com o Supremo e as forças superiores, ou seja, quando as pessoas “cometem um pecado”, o que é inevitavelmente seguido pela imposição de uma certa restrição cármica com punição;
  • Quando as pessoas violam a lei espiritual (uma ou mais), que é repleta de consequências cármicas negativas – isso inclui vários crimes contra outras pessoas ou contra si mesmas.

Na verdade, existem inúmeras razões pelas quais surgem dívidas cármicas. Não queremos dar a vocês frases gerais, então examinaremos os exemplos mais proeminentes de violações que provocam o surgimento das dívidas cármicas mais significativas.

Uma pessoa assume compromissos e promete algo aos outros ou a um poder superior, mas não os cumpre. Lembre-se de que nenhuma promessa, nem mesmo a menor, passa despercebida.

Aqueles indivíduos que não sabem como lidar com suas próprias promessas se enquadram na categoria dos maiores devedores cármicos. Cada promessa dada, mas não cumprida, impõe um pesado fardo cármico ao destino de tal pessoa e a impede de alcançar a felicidade e a harmonia.

A pessoa não percebe este tipo de predestinação cármica, ou seja, ela renuncia aos seus objetivos de vida e não quer cumprir suas tarefas cármicas.

Quando a alma não cumpre seu dever mais elevado, ela automaticamente entra na categoria de devedores kármicos, o que significa que tais almas terão que pagar a dívida até que a violação seja completamente expiada.

Recomendamos:  5 Tratamentos naturais para rachadura no calcanhar

Uma pessoa pega ilegalmente algo de outra ou se apropria das realizações de outra pessoa (ou seja, rouba). Neste caso, a lei inexorável do carma se aplicará:

  • Se você tirar a vida de outra pessoa, você perde a sua;
  • Se você dedicar o tempo de outra pessoa a nada, pagará com o seu próprio tempo;
  • Se você pegar o dinheiro de outra pessoa – durante várias encarnações você será forçado a viver na miséria, não sendo capaz de chegar à redenção final do seu pecado;
  • Se você pegar a energia de outra pessoa – certamente se encontrará em uma posição em que outras pessoas consumirão excessivamente sua energia;
  • Se você se apropriar indevidamente dos valores materiais de outra pessoa, perderá nove vezes mais.

Nesse caso, a recompensa pode vir nesta vida e na próxima – a eternidade não tem conceito de tempo.

Outro tipo de dívida cármica para com a alma ocorre quando as pessoas não levam em consideração as necessidades de sua alma e não querem se desenvolver como ela deseja.

Quando interrompemos o nosso processo de desenvolvimento, quando estagnamos, não há crescimento espiritual ou pessoal, invariavelmente forma-se uma dívida cármica para conosco, que é punida pela autoimagem negativa, sensação de vazio e surgimento de várias patologias.

Dívida kármica decorrente da irresponsabilidade:

  • O não cumprimento de seus deveres de trabalho – formará uma dívida cármica para com uma instituição em particular;
  • Quando uma pessoa não quer cuidar de sua família, recusa-se a assumir a responsabilidade pelos familiares;
  • Descuidado ao criar os filhos e assim por diante.

Pressupostos gerais importantes

O conceito de dívida cármica inclui o seguinte:

  • As “dívidas” de uma pessoa para com o Universo em geral, as ações exigidas que a pessoa não fez, os acontecimentos que a pessoa não viveu até o fim, o que acaba levando ao surgimento de consequências negativas;
  • A violação das leis espirituais, ignorando os princípios e normas da moralidade, o que resultará em distorções na concha energética, prejudicará a alma e o estado moral da pessoa.
Recomendamos:  7 Dicas para ter sucesso numa entrevista de emprego

Existem muitas razões para todos os tipos de dívidas cármicas. Isso inclui violação dos mandamentos e ignorar as leis espirituais existentes. Mas o mais indicativo do conceito de dívida cármica é visto nos exemplos.

Como reconhecer a dívida cármica

Uma pessoa faz um esforço incrível, mas nada funciona. Em 99% dos casos, isso indica dívida cármica.

Há uma constante falta de energia, força, alegria – uma probabilidade muito alta de que esse esgotamento de energia indique um débito cármico não pago. Por exemplo, uma pessoa se sente muito bem, mas quando começa um novo projeto, falta-lhe energia e entusiasmo.

Existem conflitos constantes com alguém próximo a eles sem motivo aparente.

As dívidas cármicas são evidenciadas pela deterioração geral da vida – a chamada “má sorte”, o tempo de perdas, frustração de planos, desesperança. Esta é uma indicação clara da ativação de dívidas cármicas em uma determinada fase da vida que deve ser encerrada.

Antes de começar a pagar sua dívida cármica, você deve determinar claramente se realmente a tem.

Responder às seguintes perguntas o ajudará a entender sua situação cármica atual:

  1. Você está trabalhando muito, tentando muito, fazendo um esforço tremendo, mas 99% do tempo nunca resulta em algo útil?
  2. Você tenta ganhar dinheiro, mas não sobe acima do nível mínimo?
  3. Você sonha com uma família e filhos felizes, mas todos os seus encontros terminam em fracasso?
  4. Você sente falta de energia para realizar seus objetivos?
  5. Sem prazer da vida? Emoções como alegria e bom humor são hóspedes raros em seu reino?
  6. Nada funciona e tudo sai do controle?
  7. Você se sente pronto para grandes conquistas, estabelece uma meta, mas quando começa a implementá-la, toda a paixão se esvai e o entusiasmo acaba?
  8. Você está passando por períodos de azar em sua vida? Os planos são frustrados, perdas materiais constantes?

Quanto mais vezes você disser “Sim!” respondendo à pergunta acima, o mais provável é que existam dívidas kármicas pendentes em sua vida. Mas não desanime – todas as dívidas cármicas serão pagas mais cedo ou mais tarde, é apenas uma questão de tempo e a quantidade de seu esforço pessoal.

Recomendamos:  Batatas não engordam. É como e quanto você come!

É importante entender que o débito cármico está “ligado” à sua vida para não torná-la pior. O Universo nunca quer tornar alguém infeliz, colocar as pessoas em apuros ou destruir o destino de uma pessoa em particular.

Em vez disso, por meio da dívida cármica, o Universo o ajuda a definir as metas certas, colocá-lo no estado de espírito certo e deixá-lo saber que é hora de pagar sua dívida cármica e seguir em frente.

Como pagar as dívidas cármicas

Você pode pagar suas dívidas cármicas usando um algoritmo muito específico e simples:

  1. Identifique as causas. É preciso descobrir o que desencadeou a formação do débito cármico. Entenda qual lei do Universo foi violada.
  2. Determine os “termos e condições” de sua dívida. É necessário entender quais ações resultarão no pagamento de sua dívida cármica e na melhoria de seu destino.
  3. Satisfazer os critérios. É necessário executar diligentemente todas as ações necessárias para pagar o débito cármico. Observe que o processo é responsivo: parece muito difícil quando você começa – você pode pensar que está perdendo seu tempo… Mas, à medida que avança, você terá uma sensação intuitiva de que está indo na direção certa.
  4. Às vezes, você pode precisar procurar um curador espiritual. Mas tenha cuidado, há muitos vigaristas neste caminho que, ironicamente, podem fazer parte de sua dívida cármica. Na maioria dos casos, você mesmo poderá mudar sua vida.

Na maioria das vezes, as dívidas cármicas são pagas automaticamente quando as pessoas vivem uma vida decente, se comportam bem e obedecem às leis e aos princípios morais. Pode parecer um truísmo, mas funciona!

Photo by Louis Hansel on Unsplash

Se você gostou dessa matéria, entre aqui e descubra mais informações e curiosidades. via: megaharbor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *