5 formas de ajudar seu cão a viver uma vida bem mais longa e feliz

Todos nós desejamos que nossos cães pudessem viver para sempre. Felizmente, existem algumas coisas fáceis que você pode fazer para seu amado filhote para dar a ele a melhor chance de uma vida longa e saudável.

Estamos compartilhando as melhores maneiras de ajudar a proteger o bem-estar do seu cão, desde os exercícios de seu corpo e mente até fornecer certos cuidados para uma boa saúde.

1) Observe sua dieta

Estar acima do peso pode levar a muitos outros problemas de saúde em cães. Alimentar seu cão com a dieta certa é vital para controlar seu peso. Antes de fazer qualquer alteração, consulte seu veterinário para escolher o melhor alimento de acordo com a idade, peso em consideração à sua dimensão e saúde geral.

Seu veterinário pode recomendar algo como suplementos caninos, que contém uma composição especialmente formulada de nutrientes que não são normalmente encontradas na maioria dos alimentos para animais. Esses nutrientes benéficos podem ajudar a promover o bem-estar do seu cão, apoiando seu imunológico, cérebro, coração e sistema digestivo.

Claro, você vai querer ter verificar de que não está alimentando ele em excesso com guloseimas. As guloseimas não devem exceder 10% da ingestão calórica diária do seu cão.

Os veterinários também acreditam em dar suplementos formulado para cães mais velhos – muitos deles tem alguns níveis mais altos de antioxidantes glucosamina para ajudar a limpar e manter a função articular em cães com artrite.

Você deve alimentar cães com refeições regulares com horário, em vez de ter comida disponível para ele o tempo todo e deve garantir que os membros da família não deem a ele muitas guloseimas ou restos de comida. Essas calorias se somam rapidamente e o fazem engordar.

Recomendamos:  Baleia protege mergulhador de um ataque de tubarão

2) Use um quebra-cabeça na hora de dar comida

Estimular o cérebro cão é outra maneira de ajudá-lo a se manter jovem. Uma maneira é alimentá-lo com refeições com vários quebra-cabeças e brincadeiras estimulantes para a mente.

Os cabeça-cabeças na hora de comer podem ativar o instinto de caça do seu cão, estimular a atividade física e trabalhar o cérebro. Esses quebra-cabeças, que vêm em várias formas e tamanhos, também ajudam a evitar que os cães comam muito rápido.

Você pode manter as coisas super simples ocultando a ração no quintal; enchendo um brinquedo de borracha com guloseimas que o cão tem que trabalhar para encontrar; ou aumentando a dificuldade com mais desafios complicados .

Ele diz que os próprios animais podem podem acabar comendo rápido demais suas refeições e isso faz mal. Embora os animais hoje em dia “nasçam aposentados”, o Dr. Becker diz que, ao seduzi-los com guloseimas deliciosas, seu cão provavelmente o surpreenderá com a rapidez com que ele pode resolver os quebra-cabeças.

3) Dê a ele exercícios regulares

Assim como os humanos, os cães também precisam de exercícios regulares para ajudar a manter um peso saudável. O exercício libera endorfinas do estresse, e reduz o cortisol, escreve o Dr. Becker. Ter a chance de explorar além do familiar também estimula a mente do seu cão. E então o efeito mais óbvio: ele se manterá em forma!

Supondo que você e seu veterinário estão concordando que seu cão pode pronto para isso, você deve continuar com suas caminhadas regulares, idas ao parque para cães e brincar de buscar até os últimos anos de sua vida.

Muitos animais idosos, ainda desfrutam de uma caminhada lenta ou uma sessão hidroterapia para aqueles com dores nas articulações e outros problemas que os impede de caminhar muito.

Recomendamos:  Cão fiel fica à espera de seu dono na ponte onde o viu pular

Mesmo quando o tempo está ruim, há muitas maneiras de manter seu cão ativo dentro de casa, como brincar de pegar um brinquedo macio ou dar tempo para um pequeno cabo de guerra.

4) Ensine novos truques a ele

Além de seu corpo, o cérebro do seu cão precisa de exercícios regulares para se manter saudável, escreve o Dr. Becker – e o treinamento não acaba quando seu cão deixa a infância. Os cães que já se comportam bem podem aprender e praticar novos truques para desafiar suas mentes.

Desafiá-lo com um jogo de aromas é outra opção divertida. Você pode treiná-lo para procurar um petisco escondido em sua casa, ou encontrar um item em dois recipientes diferentes e ensiná-lo a farejar qual deles está escondendo um petisco.

Estes são apenas alguns dos muitos jogos que o treinador Mikkel Becker recomenda para ajudar a manter seu jovem e ativo. Para os cães idosos, é mais benéfico que eles façam atividades seguras para não arriscar um acidente ou imprevisto.

Seu veterinário também pode recomendar um tratamento vitamínico como suplementos e vitaminas com antioxidantes benéficos e ácidos graxos ômega-3 para a saúde do cérebro.

5) Forneça cuidados preventivos

Levar seu cão para exames regulares com seu veterinário pode ajudar a detectar problemas de saúde mais cedo, o que pode melhorar seu prognóstico.

À medida que seu cão envelhece, ele provavelmente será visto pelo veterinário com mais frequência. A maioria dos veterinários recomenda até dois exames anuais para cães idosos.

Cuidados preventivos regulares em casa incluem coisas como manter os dentes limpos. Você deve escovar os dentes do seu cão diariamente e limpá-los profissionalmente regularmente por seu veterinário.

Isso pode ajudar a prevenir doenças dentárias que podem causar dor e complicações graves quando não tratadas. Por fim, você vai querer ajudar a prevenir parasitas como pulgas e carrapatos, dando-lhe consistentemente medicação preventiva, durante todo o ano.

Recomendamos:  5 atividades divertidas para fazer com seu gato

Ao ficar por dentro de todas essas coisas, esperamos que você possa aproveitar a companhia do seu cão o maior tempo possível – e ele terá mais chances de permanecer jovem de corpo e mente. via:vetstreet


- Publicidade -

Mais populares