10 sinais que a sua alma está cansada e precisa recuperar

531
sinais que a sua alma está cansada e precisa recuperar

Vivemos em um tempo em que vemos constantemente as pessoas cuidando do seu corpo, são dietas das mais mirabolantes, horas na academia, cirurgias plásticas, aquisição de planos de saúde, exames dos mais diversos de check-up anual…Tudo em busca de um corpo perfeito com saúde física.

No entanto, cada vez mais pessoas também têm despertado para outro cuidado igualmente importante que é o cuidado com sua alma, sua saúde emocional, até mesmo porque está comprovado que elas são interligadas como diz aquela famosa frase: “corpo são, mente sã”. 

A alma se entristece e sofre por diversos motivos, mas alguns deles seriam:

  • Injustiça;
  • Perdas;
  • Fracasso profissional;
  • Luto;
  • Traição;
  • Sonhos frustrados;
  • Quebra de confiança;
  • Vergonha;
  • Abandono;
  • Rejeição;
  • Ingratidão.

Todos esses citados acima são exemplos de coisas que ferem nossa alma, a própria psicanálise fala dessas feridas, conhecidas como feridas emocionais, e das suas consequências tanto emocionais quanto físicas.

Ou seja, se a alma está aflita, o corpo também enfraquece e sofre, por isso fique bem atento a estes dez sinais de que, na verdade, não é  apenas seu corpo, mas é a sua alma que está cansada.

1) Distúrbios do sono

Já aconteceu com você de não conseguir levantar pela manhã de tão cansado, mas a noite não conseguir dormir porque a mente fica acelerada pensando em mil coisas? Dormir muito de dia e ficar agitado a noite pode ser um sinal de que sua alma está precisando de descanso.

O que fazer?

Desacelerar é o segredo nesse caso… duas horas antes de dormir procure se desconectar dos eletrônicos, diminuir a intensidade da luz, tomar um chá de camomila ou maracujá, focar em sua respiração e ter pensamentos de gratidão, tudo isso vai contribuir para um sono melhor além de serem bons remédios para a sua alma

2) Dores no corpo

Você já ouviu falar em somatização? Somatização é quando algo mal resolvido no seu emocional, aparece no seu corpo físico em forma de problemas de saúde. Muitas das dores no corpo são reflexos que nossa alma precisa urgentemente de atenção, seguem alguns exemplos dessas chamadas doenças psicossomáticas e a que normalmente estão conectadas:

  • Enxaqueca- Stress, Ansiedade.
  • Gastrite/ Dor de Estômago- Stress, nervosismo.
  • Rinite/Sinusite- Instabilidade emocional.
  • Dor de garganta- quando estamos “engasgados” com algo, coisas mal resolvidas que não falamos.
  • Torcicolos- Emoções negativas como a culpa.
  • Dores nas costas- Falta de apoio emocional adequado, sentimentos de rejeição.
  • Dores nos ombros- Tem a ver com aceitar um peso emocional muito grande para carregar.
Recomendamos:  O corpo sofre quando a mente não está bem, é assim que os pensamentos influenciam a nossa vida

O que fazer?

Neste caso, atente para os sintomas e trate a causa deles, pois não adianta apenas tratar a febre, visto que se a infecção não for tratada, a febre voltará.

É muito importante não negligenciar estes sintomas, pois assim como no caso de uma febre, podem se tornar doenças mais graves quando não tratados. Preste atenção no que está causando seus sintomas e procure a solução, você se sentirá renovado!

3) Não saber explicar como se sente

Nem sempre é fácil compreender nossas emoções, muito menos ainda falar a respeito delas. Sentimo-nos extremamente tristes sem conseguir explicar o motivo. Não conseguimos encontrar sentido nas emoções tendo vontade de fugir.

O que fazer?

Procure conectar-se com suas emoções de alguma forma, encontre sua força interior. Algumas formas de fazer isso são:

  • Exercícios de autoconhecimento;
  • Mudar hábitos nocivos;
  • Rejeitar pensamentos nocivos;
  • Reservar tempo para si mesmo em sua agenda;
  • Praticar uma atividade relaxante em contato com a natureza.

4) Sente se desorientado 

Esta é uma coisa que caminha com não saber como se sente, o clássico livro Alice no País das maravilhas tem uma frase interessante sobre isso: “para quem não sabe onde quer ir, qualquer caminho serve”. O fato é que alguns traumas, perdas e outras coisas que entristecem a alma, também nos tiram o foco do nosso objetivo, por vezes parece que literalmente o sonho acabou e chegamos ao fim do poço, no entanto, a vantagem do fundo do poço é que só temos um lugar para ir: para cima!

O que fazer?

Reencontre prazer nas coisas simples da vida, comece tentando algo novo, algo que nunca tenha feito, algo que te dê um novo objetivo como participar de uma corrida, um concurso de redação ou culinária, aprender a tocar um novo instrumento, voltar a estudar, aprender a dançar ou pintar quadros, quem sabe você descobre um novo talento! Ter um alvo, uma meta, ainda que pequena vai te ajudar a se levantar e reconstruir após ter sua alma fragilizada pelas circunstâncias da vida.

5) Emoções à flor da pele

Chorar com facilidade, se irritar com as pessoas por coisas pequenas, mudar de humor de uma hora para a outra são sintomas de que suas emoções estão desreguladas, quando nos sentimos desta forma às vezes, é difícil sair do ciclo de repetição, mas acredite ser possível.

Recomendamos:  Pessoas que têm a letra “M” na palma da mão são pessoas especiais

O que fazer?

A dica aqui é procurar por algo que te faz bem… um banho demorado, ouvir música, assistir a um filme ou mesmo bater em um saco de pancadas, vale o que for eficaz para você descarregar de alguma forma as suas emoções, menos descontar nas outras pessoas, é claro! 

6) Crises de ansiedade ou pânico

Ansiedade é a doença do século segundo alguns pesquisadores, os pensamentos ficam acelerados, a preocupação é intensa e um medo do futuro pode gerar crises de pânico com falta de ar e outros sintomas, algumas vezes até mesmo se parecendo com um ataque cardíaco. Isso acontece porque no tempo em que vivemos, temos a tendência a assumir muitas responsabilidades em simultâneo, sobrecarregando nossas emoções. 

O que fazer?

Ansiedade não é brincadeira então após perceber os primeiros sintomas, procure fazer o possível para controlar e caso não apresente melhoras, vale procurar ajuda profissional para lidar com ela. Algumas dicas para te ajudar são:

Respire fundo- preste atenção à sua respiração como se estivesse cheirando uma flor e depois expire como se estivesse soprando uma vela… repita isso algumas vezes para se acalmar e acalmar seus pensamentos.

Use táticas como livro de colorir, atividades artísticas ou fazer artesanato, são terapêuticas.

Pratique atividade física- apenas 15 minutos de caminhada por dia já melhoram o funcionamento do seu organismo ajudando a diminuir a ansiedade.

Escreva sobre como se sente, mas escreva também uma lista de coisas boas da sua vida para ler e até recitar para si mesmo em momentos de ansiedade.

7) Sentimento de solidão 

Quem nunca se sentiu sozinho? Mas nesse caso o sentimento é intenso, como se ninguém nos compreendesse. Acontece mesmo quando estamos em meio a muitas pessoas. Se for o caso, fique alerta.

O que fazer?

Procure ajuda de alguma pessoa próxima, você irá perceber que o sentimento de solidão é enganoso e que, na verdade, existem pessoas que se importam e querem te ajudar. 

Previna-se mantendo também o contato com amigos e familiares distantes por mensagens e chamadas de vídeo, isso é uma técnica de autocuidado!

8) Pensamentos negativos 

Nada mais sufocante do que a batalha travada dentro da nossa mente. Pensamentos acelerados deixam a alma cansada e o corpo também. A negatividade é como um veneno para nossa alma, nos faz desacreditar em nós mesmos e nos outros. Atente para seus pensamentos e avalie, sobre o que tem pensado?

O que fazer?

Se seus pensamentos estão envenenados pela negatividade, use o antídoto, encontre um motivo para se alegrar, apenas uma coisa e pense nela por um tempo. Você pode também ter uma lista de gratidão para ler sempre que sentir a negatividade chegando.

Recomendamos:  Chás e boa alimentação são fortes aliados para acabar com a depressão

9) Cansaço constante

Dormir e acordar cansado também é um sinal de que nossa alma precisa de atenção, se você está sempre cansado pense se tem se alimentado bem ou se, de repente falta alguma vitamina em seu organismo e se não for o caso, é sua alma que esta precisando de um descanso.

O que fazer?

Que tal um contato maior com a natureza? Uma caminhada, um banho de mar, rio ou cachoeira, ou um passeio em um parque são boas ideias para descansar sua alma, atividades que cansam o corpo também costumam descansar a alma, pois produzem hormônios que contribuem para isso.

Outra coisa interessante é se conectar espiritualmente, seja qual for sua forma de fazê-lo, pode ser com orações, com canções, com meditação ou ioga, pode ainda ser parte de uma comunidade espiritual que vai ser como uma família de fé que ajuda em momentos que sua alma necessita.

10) Incerteza do futuro 

Com a ansiedade vem as incertezas, perdemos as perspectivas, perdemos o foco. Se você esta em um momento como esse, de incerteza sobre seu futuro, sua alma pode estar sedenta, necessitando urgentemente ser hidratada por bons pensamentos.

O que fazer?

Comece com uma lista de pessoas que ficariam muito tristes se você desistisse de tudo, depois faça outra lista, das suas habilidades, tudo o que sabe fazer e para terminar uma terceira lista, de sonhos e desejos, por mais absurdos que pareçam, neste momento não é para pensar se você tem condições de realiza-los, mas para pensar em tudo o que gostaria de fazer ainda na sua vida. Provavelmente dessas três listas saiam novas perspectivas para você.

Concluindo, nem sempre é o corpo que esta precisando de socorro, mas algumas vezes o corpo grita quando a alma esta aflita, é no corpo que aparecem os sinais de que precisamos cuidar mais da nossa alma.

Por fim, uma última e poderosa dica: procure se conectar com quem e o que te faz bem e sua jornada será mais leve. Como diz um provérbio africano: “Quem corre sozinho chega mais rápido, mas quem corre acompanhado, vai mais longe”.  

Entre aqui e veja outras matérias do site sinais de luta.

Compartilhar matéria:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here